Nem todas as mulheres se sentem confortáveis com uma roupa vermelha da mesma maneira quando usam cores básicas como branco ou preto. Mas, para fugir da neutralidade desses tons, que tal inovar e aproveitar a cor tradicional da época para seu look de Natal?

Segundo a consultora de moda Ana Vaz, é possível usar vermelho sem cair no estereótipo de sensualidade que a cor imprime, maior receio entre as que preferem deixar a cor para outra – ou nenhuma – ocasião. “O Natal é uma boa época para exercitar essa cisma com o vermelho, já que é uma cor em evidência nas festividades. Uma dica é optar pelos vermelhos menos intensos e quentes. Se for mais “queimado”, se aproximará do tom vinho; se mais rosado, vai para o cereja. Nesta data, evite o popular “vermelho Ferrari” ou “vermelho tomate”, esse sim ligado ao estilo sexy e que, portanto, pode deixá-la desconfortável”, ensina.

Outra dica da especialista é a possibilidade de ousar no tom, mas optar por modelagem ou tecido discretos. “No lugar de um vestido bandage, use um feito em crepe ou musselina ou outros modelos que não marcam no corpo e fiquem mais fluidos”.

Além do vermelho, dourado e branco, cores quase unânimes nos looks de Ano Novo, também são opções para looks natalinos, segundo Ana Vaz. O verde, também presente nas celebrações natalinas, estampas tropicais e até a cor preta são sugestões apontadas por ela. “A mulher não precisa necessariamente usar o “verde folha”, tom característico da época. O verde é a cara do verão, e já que o Natal no Brasil coincide com esta estação, é um maneira de juntar as duas tendências”, exemplifica. No caso do preto, a dica é fugir da formalidade natural que a cor tem usando recursos como brilho para deixar o looks mais despojado. Peças com aplicações com pedrarias ou lantejoulas são boas opções”, elege.